Carlos Sá falha subida ao Aconcágua. Mas vai tentar de novo!

Atleta português teve de abortar a subida aos 6500 metros, devido às condições metereológicas. Mas promete regressar nos próximos dias.

A menos de 500 metros do topo do Aconcágua, Carlos Sá, o ultra runner português que estava a tentar bater o recorde da subida ao cume da montanha mais alta da América do Sul, teve de abortar a aventura. A neve obrigou-o a regressar ao acampamento, conforme o próprio relatou na sua página oficial de Facebook.

 
Amigos, tudo bem por cá. Tentativa abortada. Estou a salvo no acampamento base. A montanha é que manda. Isto parecia o deserto e de repente a meteorologia mudou e tornou-se alta montanha pura. Aos 6500 metros de altitude a neve já tinha 50 cm de altura. Congelei sapatilhas e pés. Tive que receber tratamento médico.”
 
No entanto desistir parece não fazer parte do vocabulário de Carlos Sá que promete desafiar a montanha já nos próximos dias, dependendo das condições do tempo.

Comentar

comentários

Leave a comment

Your email address will not be published.


*